Boas Vindas!

Em 23/05/08 dei início ao desenvolvimento deste BLOG, com um objetivo bem definido e que será a base de sustentação do mesmo, ou seja, disponibilizar a você prezado visitante, material que possa lhe trazer alguma UTILIDADE em qualquer segmento. Serei bastante seletivo na escolha do conteúdo, o que proporcionará uma centralização de dados, informações, dicas, artigos, noticias, alterações na legislação, mensagens, etc.. que possam ser ÚTIL no seu dia a dia.

VISITAS AO BLOG

"NOSSAS DÚVIDAS SÃO TRAIDORAS E NOS FAZEM PERDER, POR MEDO DE TENTAR, O BEM QUE PODERÍAMOS GANHAR" - William Shakespeare"

DATA

sábado, 13 de maio de 2017

Vida útil dos alimentos é maior com a geladeira organizada



                                Temperatura altera conforme prateleira. 
           Comida guardada de maneira inadequada pode criar bactéria.

Para não ter desperdício e conseguir manter a vida útil dos alimentos, é essencial manter a organização das geladeiras. E isso vai muito além de saber se o ovo deve ou não ficar na porta.

"Quando se fala em organização, além de deixar mais prazeroso, tem de estar mais fácil ao alcance. É essencial ter uma geladeira organizada", afirma a nutricionista Jacqueline Moniz Anversa, da Clínica Dra. Maria Fernanda Barca.

Cada espaço da geladeira tem a sua função. A circulação de frio e a temperatura não são as mesmas em todos os espaços. Por isso é bom ficar atento ao armazenamento. "Se for mal armazenado, o alimento vai perdendo textura, cor, sabor. E pode sofrer contaminação".

A porta é o local onde a temperatura sofre mais alterações, por causa do abre e fecha. Por isso a recomendação, é para que os ovos fiquem na parte interna, apesar de muitas geladeiras já virem do fabricante com espaço para ovos na porta.

"As oscilações de temperatura proporcionam condições para a multiplicação de bactérias que penetram no ovo através da casa. Devem ser armazenados nas prateleiras, com embalagem "adequada", diz Danielli Botture Lopes, nutricionista da Confederação Brasileira de Atletismo.

Em algumas embalagens de alimentos, como a de tomate, por exemplo, é comum que um fruto estrague antes dos demais. Por isso, é preciso ver com atenção o aspecto dos outros frutos para checar se estão bons para consumo.

"Mesmo após colhidos, os frutos como tomate ainda produzem um composto orgânico, o etileno, responsável pelo amadurecimento. Um fruta estragada produz uma concentração grande de etileno, acelerando o amadurecimento das que estão ao seu redor. Um fruto saudável, em contato com um podre, em pouco tempo também estará podre", diz Danielli (Emerson Vicente).

Carne não deve voltar ao freezer
O congelamento de alimentos é uma prática comum. Mas especialista afirmam que, uma vez descongelado, ele não deve voltar a ser congelado. Isso vale principalmente para carnes. "Uma vez que ela for descongelada, o ideal é que seja consumida totalmente. Não deve voltar ao freezer porque perde a qualidade", diz a nutricionista Jacqueline Moniz Anversa, da clínica Dra. Maria Fernanda Barca.

SAIBA MAIS
> Utilize recipientes com tampas;
> Não deixe latas abertas na geladeira;
> Não deixe a porta da geladeira aberta.
> Ovos não devem ficar na porta, pois o choque térmico aumenta o risco de contaminação;
> Maionese, catchup e mostarda devem ficar dentro da geladeira, não na porta;
> Não forre as prateleiras com plásticos ou toalhas, pois dificulta a circulação de ar frio;
> Limpe os alimentos antes de congelá-los, e embale em plásticos próprios para o congelamento;
> Siga as recomendações do fabricante para fazer a limpeza do congelador;

COMO ORGANIZAR AS PRATELEIRAS
> Porta: refrigerantes, leite e sucos;
> Superior: Destinada para os alimentos pré-cozidos, pratos feitos em casa, sobras e alimentos mais
    perecíveis;
> Intermediária: para alimentos já abertos, como leite, iogurte, sucos. Também os ovos, para manter a 
    temperatura.
> Inferiores: para produtos que serão consumidos rapidamente, como frutas e verduras.
> Gavetas: Guardar frutas, verduras e legumes secos, acomodados em embalagens plásticas.

TEMPO DE VALIDADE DOS ALIMENTOS
> Frios: 3 dias;
> Sopas e carnes cozidas: 3 dias;
> Salsichas e bacon: 7 dias depois de abertos;
> Peixe: 1 dias;
> Molhos caseiros: 2 dias:
> Doces: 3 dias;
> Frango: 3 dias;
> Ovos: 10 dias;
> Leite: 2 dias;
> Verduras e temperos: 2 a 3 dias;
> Carne: 3 dias;
> Legumes e frutas: 3 a 7 dias;
> Maionese industrializada: 2 meses depois de aberta:

                                                                                               fonte: : Jornal "AGORA" SP,  23/04/17

Nenhum comentário:

INDICE GERAL DAS POSTAGENS